Imprimir

Medium

Fundo
Fernando Pessoa
Cota
BNP/E3, 14D – 15
Imagem
[Sobre Poe e Zola]
PDF
Autor
Fernando Pessoa

Identificação

Titulo
[Sobre Poe e Zola]
Titulos atríbuidos
Idioma
Português
Edição / Descrição geral

[BNP/E3, 14D – 15]

 

A sombra mórbida que veio e continua sobre nós, começando a sentir-se com Poe, cuja própria degenerescência era génio e {…} em Zola, cujo próprio génio era degenerescência (que começa em Poe e não acaba em Zola).

_______

Zola o que foi[1] é um romântico degenerado.

_______

Poemeto do Sr. Ribeiro de Carvalho, aproveitado pelo Sr. Abel Botelho para um prefácio assaz[2] engenhoso onde se aplica à língua portuguesa a construção da

 

[15v]

 

frase do alemão com notável felicidade.

_______

Aqueles “ao de leves”, onde o Sr. Dr. Brito Camacho também notavelmente concilia a imoralidade com[3] a obscenidade[4].

_______

Escrevia sempre ao de leve, em tom de quem pouco se rala, porque a vida são dois dias e {…}

 

 

 

[1] foi /é\

[2] assaz /algo\

[3] com /e\

[4] obscenidade /indecência\

Notas de edição

Classificação

Categoria
Literatura
Subcategoria

Dados Físicos

Legendas

Documentação Associada

Bibliografia
Publicações
Fernando Pessoa, Escritos sobre Génio e Loucura, Edição de Jerónimo Pizarro, Lisboa, Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 2006, p. 437.

Dados de produção

Datas relacionadas
Dedicatário
Destinatário
Data

Palavras chave

Locais
Nomes relacionados