logotipo Modernismo

  Arquivo Virtual da Geração de Orpheu

 

 

Bibliografia imagem

©Duarte Belo

 

 

Prosa de Fernando Pessoa

Espólio de Fernando Pessoa na Biblioteca Nacional de Portugal - E3

 

(1966) Páginas Íntimas e de Auto-Interpretação.

Selecção e prefácio de Jacinto do Prado Coelho e Georg Rudolph Lind, Lisboa: Ática.

 

(1966) Páginas de Estética e de Teoria e Crítica Literárias, ed. Georg Rudolf Lind e Jacinto do Prado Coelho, Lisboa: Ática

 

(1968) Textos Filosóficos, vols. I e II.

Fixação, organização e prefácio de António de Pina Coelho.

Lisboa: Ática.

 

(1978). Da República Portuguesa e de Fernando Pessoa nela.

Recolha de textos de Maria Isabel Rocheta e Maria Paula Morão; introdução e organização de Joel Serrão.

Lisboa: Ática.

 

(1979). Sobre Portugal. Introdução ao Problema Nacional, ed. Joel Serrão, Lisboa, Ática.

 

(1986) Obra Poética e em Prosa, vols. I, II e III.

Introdução, organização e notas de António Quadros e Dalila Pereira da Costa.

Porto: Lello & Irmãos, Editores.

 

(1988). The Case of the Science Master. ed. Gianluca Miraglia.

In Rev. BN, 2ª série, III, 3, 9-12/1988, pp. 43-47. 

 

(1988). Moral, Regras de Vida, Condições de Iniciação,

Ed. Pedro Teixeira da Mota,

Lisboa, Edições Manuel Lencastre.

 

(1989). Poesia Profética, Mágica e Espiritual,

ed. Pedro Teixeira da Mota,

Lisboa, Edições Manuel Lencastre.

 

(1989). Rosea Cruz,

Ed. Pedro Teixeira da Mota.

Lisboa, Edições Manuel Lencastre, 1989.

 

(1990) Pessoa por Conhecer,II. Textos para um Novo Mapa.

Edição Teresa Rita Lopes.

Lisboa: Editorial.

 

(1993) Pessoa Inédito.

Coordenação de Teresa Rita Lopes.

Lisboa: Livros Horizonte.

 

(1996) Correspondência Inédita.

Organização de Manuela Parreira da Silva.

Lisboa: Livros Horizonte.

 

(1997) Notas Para a Recordação de Meu Mestre Caeiro, de Álvaro de Campos.

Edição de Teresa Rita Lopes.

Lisboa: Editorial Estampa.

 

(1997) A Hora do Diabo.

Edição de Teresa Rita Lopes.

Lisboa: Assírio & Alvim.

 

(1998) Livro do Desassossego. Composto por Bernardo Soares, Ajudante de Guarda- Livros na cidade de Lisboa.

Edição de Richard Zenith.

Lisboa: Assírio & Alvim.

 

(1999) Correspondência, 1923 – 1935.

Edição de Manuela Parreira da Silva.

Lisboa: Assírio & Alvim.

 

(1999) O Banqueiro Anarquista.

Edição de Manuela Parreira da Silva.

Lisboa: Assírio & Alvim.

 

(1999) Crítica - Ensaios, Artigos e Entrevistas.

Edição de Fernando Cabral Martins.

Lisboa: Assírio & Alvim.

 

(1999)  A Educação do Estóico, do Barão de Teive.

Edição de Richard Zenith.

Lisboa: Assírio & Alvim.

 

(2000) Heróstrato e a Busca da Imortalidade,

ed. Richard Zenith,

Lisboa, Assírio & Alvim.

 

(2003) Escritos autobiográficos, automáticos e de reflexão pessoal.

Ed. Richard Zenith.

Lisboa: Assírio & Alvim.

 

(2003) Prosa de Ricardo Reis.

Edição de Manuela Parreira da Silva.

Lisboa: Assírio & Alvim.

 

(2003) Aforismos e Afins.

Edição e prefácio de Richard Zenith.

Tradução de Manuela Rocha.

Lisboa: Assírio & Alvim.

 

(2006) Génio e Loucura.

Edição de Jerónimo Pizarro. Série Maior, Volume VII, Tomos I e II.

Lisboa: Imprensa Nacional – Casa da Moeda.

 

(2005/6) «Maridos». Mealibra, nº 17/18, série 3, Inverno 200/6.

Viana do Castelo:Centro Cultural do Alto Minho, p.16.

 

(2008) Quaresma Decifrador. Edição de  Ana Maria Freitas. Lisboa: Assírio & Alvim.

 

(2008) Um Jantar Muito Original, seguido de A Porta.  Tradução, recolha de textos e posfácio de Maria Leonor Machado de Sousa. Lisboa: Relógio d’Água Editores.

 

(2009) «O Peregrino». In Mealibra, III Série, Nº23 Primavera/Verão 2009. Viana do Castelo: Centro Cultural do Alto Minho, p.19.

 

 

Sobre a prosa de Fernando Pessoa

 

AAVV (2008). Dicionário de Fernando Pessoa e do Modernismo Português.

Coordenação de Fernando Cabral Martins.

Lisboa: Editorial Caminho.

 

CENTENO, Y.K. (1988). Os Trezentos e Outros Ensaios.

Lisboa: Editorial Presença.

 

_______(2003). Fernando Pessoa: Magia e Fantasia.

Porto: Edições Asa.

 

LOPES, Teresa Rita (1990). Pessoa por Conhecer,I. Roteiro para uma Expedição.

Lisboa: Editorial Estampa.

 

SOUSA, João Rui de (2010). Fernando Pessoa, Empregado de Escritório.

Lisboa: Assírio & Alvim.

 

 

Sobre edição de textos literários


CASTRO, Ivo de (1990). Editar Pessoa.

Colecção Edição Crítica de Fernando Pessoa.

Lisboa: Imprensa Nacional – Casa da Moeda.

 

GASKELL, Phillip (1978). From Writer to Reader: Studies in Editorial Method.

Oxford:  Oxford University Press.

 

GRÉSILLON, Almuth (1994). Eléments de critique génétique. Lire les manuscrits modernes.

Paris: Presses Universitaires de France.

 

HULLE, Dirk van, (2004). Textual Awareness. A Genetic Study of Late Manuscripts by Joyce, Proust, & Mann.

Ann Arbor : The University of Michigan Press.

 

LOPES, Teresa Rita (2009).  «O uso de variantes de autor em Fernando Pessoa».

 

In Mealibra, III Série, Nº23, Primavera/Verão 2009.

Viana do Castelo: Centro Cultural do Alto Minho, p.31.

 

LORIN, Claude (1984). L’Inachevé. Paris: Bernard Grasset

 

MCGANN, Jerome J. (1992).  A Critique of Modern Textual Criticism, 2ª edição.

Charlottesville: University Press of Virginia. 

 

RIPOLL, Ricard (2006). «Vers une pataphysique de l’écriture fragmentaire».

In O Fragmento, nº4 de Forma Breve, Revista de Literatura.

Aveiro: Centro de Línguas e Culturas da Universidade de Aveiro.

 

SUSINI-ANASTOPOULOS(1997). L’écriture fragmentaire.Définitions et enjeux.

Paris: Presses Universitaires de France.